Tecnologia

Amabrush: a escova que lava os dentes por ti

Uma escova automática que lava os dentes em apenas dez segundos está a conquistar a internet. O projecto apresentado no Kickstarter já angariou 60 vezes mais do que o objectivo inicial

Texto de Beatriz Silva Pinto • 04/08/2017 - 18:15

Distribuir

Imprimir

//

A A

O Kickstarter pedia 50 mil euros, mas já foram angariados três milhões. A ideia original é de Marvin Musialek, o engenheiro de San Francisco (EUA) que criou a Amabrush, a primeira escova totalmente automática que lava os dentes em apenas dez segundos.

 

"Amabrush é para pessoas como nós – que escovam os dentes porque tem de ser e não porque o querem fazer", lê-se na página de financiamento comunitário. A escova automática não podia ser mais fácil de utilizar: põe-se na boca, carrega-se num botão e o aparelho vibra durante dez segundos, tempo que o fundador garante ser suficiente para limpar os dentes. "Mesmo nestes dez segundos, cada superfície do dente é limpa durante mais tempo, em comparação com escovas de dentes comuns", lê-se no Kickstarter.

 

O aparelho, que resulta de uma "estreita colaboração com dentistas e universidades", inclui um bocal de silicone antibacteriano, uma peça para a mão e uma cápsula de pasta de dentes. Depois de premido o botão, a peça da mão cria vibrações que fazem as cerdas do bocal oscilar, enquanto microcanais libertam a pasta de dentes na boca. As cerdas tridimensionais "são suaves o suficiente para esfregar em vez de arranhar", garante-se na página. No final, passa-se o equipamento por água, tal como qualquer escova de dentes.

 

E não há preocupações em relação ao tamanho. O material flexível "adapta-se a todos os maxilares que não tenham uma disposição anormal dos dentes", afirma a equipa responsável pelo projecto. Para além disso, visto que a peça da mão e o bocal se unem a partir de um íman, o mesmo objecto pode ser usado por várias pessoas. E para evitar trocas acidentais, cada um vai ter um símbolo distintivo.

 

E preços?

O bocal, que deve ser substituído a cada três a seis meses, vai custar cerca de seis euros. A cápsula de pasta de dentes dura mais de um mês e custa três euros. Mas não é preciso gastar dinheiro numa pasta de dentes específica – as cápsulas que vêm com a escova podem ser enchidas com pasta de dentes normal, desde que esta seja diluída de acordo com as instruções dadas.

 

Para além disso, a peça da mão contém um módulo de carga sem fio de baixa energia. Ou seja, as pessoas que têm um carregador de telemóvel wireless podem usá-lo para carregar a Amabrush. A escova também vai poder ser carregada a partir de USB. Sem carregamentos, a bateria dura durante 28 escovagens.

 

Até às 8 da manhã de sábado (5 de Agosto), ainda é possível encomendar, no Kickstarter, uma versão básica da Amabrush por 79 euros, que inclui a peça da mão, o bocal, uma cápsula de pasta de dentes e um carregador. 

Voltar ao topo

|

Corrige
Eu acho que