Acessibilidade

Internet gratuita chega a quatro aldeias da serra D'Arga

A rede móvel 3G e wi-fi para as Argas e Dem é um projecto orçado em 40 mil euros e foi um dos vencedores da primeira edição do Orçamento Participativo de Caminha

Texto de Lusa • 19/12/2016 - 12:15

Distribuir

Imprimir

//

A A

As populações de quatro freguesias da serra d'Arga, Caminha, ficam a partir desta segunda-feira, 19 de Dezembro, ligadas à Internet tal como previa um dos projectos vencedores, em 2015, da primeira edição do Orçamento Participativo (OP) daquele concelho.

 

Segundo a Câmara de Caminha, "a rede móvel 3G e wi-fi para as freguesias das Argas e Dem é um projecto orçado em 40 mil euros e envolve a criação de rede Internet para todos na área da União de Freguesias".

 

A ligação daquela rede wi-fi até às aldeias isoladas das Argas e Dem, foi o quarto projecto mais votado pela população na edição 2015 do OP de Caminha.

 

Para o município de Caminha, no distrito do Viana do Castelo, trata-se de "uma importante melhoria para as freguesias da serra, por acabar com o isolamento em termos de comunicações, e por abrir, em simultâneo, novas possibilidades às populações daquela zona do concelho".

 

Segundo a Câmara de Caminha, "as populações das quatro freguesias, assim como os visitantes, ficam agora ligados à Internet, em boas condições, o que inclui o acesso wi-fi, mas também uma melhor cobertura que permite não só navegar na rede como realizar chamadas de voz em sítios onde isso antes não era possível".

 

Além daquele projecto, o primeiro OP escolheu ainda as propostas de recuperação do espaço envolvente ao dólmen da Barrosa, em Vila Praia de Âncora, obra iniciada a semana passada, a adaptação do centro cultural de Gondar em Unidade de Apoio Domiciliário (Gondar) e a reparação do Cais da Rua e colocação de guindaste para as embarcações dos pescadores daquela vila.

 

A verba contemplada no OP de Caminha corresponde ao montante de IRS que a Câmara prevê que os munícipes do concelho paguem durante o ano.

 

No OP deste ano a população escolheu três projectos, a valorização do cais dos pescadores, a beneficiação de um jardim-de-infância e recuperação do Monte Calvário e que estão orçados em 195 mil euros.

Voltar ao topo

|

Corrige
Eu acho que