Conferências

ISCAP discute presente e futuro dos “social media”

Entre 9 e 10 de Julho, o Politécnico do Porto recebe a segunda “European Conference on Social Media” para problematizar experiência, prática e dependência colectivas. Porque desamigar alguém no Facebook também é um fenómeno social que interessa a académicos

Texto de JPN/P3 • 08/07/2015 - 16:58

Distribuir

Imprimir

//

A A

Aprender e ensinar, comunicar, trabalhar, comprar e vender, compreender. São tudo coisas que, graças à integração quase total dos “social media” no nosso quotidiano, fazemos de maneira significativamente diferente em 2015 do que, por mera comparação, em 2005. O que ganhamos quando perdemos cada vez mais tempo na internet? Quanta informação pessoal online é demais? E como podemos ultrapassar os novos desafios que estas novas necessidades despertam?

 

Essas e outras questões estarão a ser analisadas no Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto (ISCAP) durante a segunda edição da “European Conference on Social Media” (ECSM), a decorrer naquela instituição de ensino a 9 e 10 de Julho.

 

A iniciativa procura ainda estabelecer uma plataforma de reflexão entre académicos e profissionais através da exposição de casos e teorias para descobrir, analisar e compreender as novas práticas comunicacionais em sociedade. Nomeadamente: comunicação interpessoal, colaboração social, aprendizagem em grupo ou individual e mesmo a construção e manutenção de relacionamentos.

 

O programa de conferências recebe contribuições de diferentes abordagens académicas, incluindo trabalhos teóricos e empíricos que empreguem métodos qualitativos, quantitativos e críticos. Projectos que permitem o uso de ferramentas de meios de comunicação social e abordagens para as contribuições apresentadas estarão também presentes.

 

A Academic Conference & Publishing International, organização responsável pelas conferências, aponta o Porto como uma cidade fortemente “desenvolvida a nível comercial, artístico e académico”, justificando assim a escolha sobre o anfitrião desta segunda ECSM.

Voltar ao topo

|

Corrige
Eu acho que