Orienta-te Redes Sociais
Ana Chaves

Ana Chaves é jornalista e autora do blogue Sweet Bigas

Ana Chaves

Ana Chaves

Crónica

Sweet Bigas: crepes sem glúten

Semanalmente, ao sábado, Ana Chaves, autora do blogue Sweet Bigas vai sugerir uma receita aos leitores do P3. Recheio doce ou salgado? Tu escolhes

Texto de Ana Chaves • 13/11/2015 - 11:22

Distribuir

Imprimir

//

A A

Há receitas que me parecem obrigatórias em qualquer gaveta de cozinha. Falo-vos dos clássicos (bacalhau, lasanha, bolo de chocolate, crepes) e outras mais especiais, fruto da criatividade que irrompe sempre que nos posicionamos em frente ao fogão e que nos distingue de alguma forma.

 

Com tão poucos ingredientes não me posso aventurar demasiado por aqui – os voos mais altos vão estando no blogue – mas, com alguma imaginação, há muitas coisas que se podem fazer mesmo com uma despensa limitada.

 

A base da receita destes crepes é altamente democrática: podem ser consumidos por pessoas com e sem intolerância ao glúten e servidos com qualquer tipo de cobertura/recheio. Como a massa não é doce nem salgada, há que decidir: doses generosas de chocolate quente e fruta ou frango com legumes salteados?

 

Diz um ditado francês que comer crepes no “Dia de Chandeleur” (celebrado a 2 de Fevereiro) traz um ano de felicidade – mas não há nenhum adágio que os interdite nos outros dias todos. Não têm de quê.

 

Do que precisas:

[para 10 crepes]

 

100 g de farinha isenta de glúten

3 ovos

250 ml de leite magro

1 colher de sopa de manteiga com sal, derretida

 

Vamos a isto:

1. Peneira a farinha para uma taça. Abre um espaço no meio e junta os ovos e o leite. Mistura bem com uma vara de arames e deixa a massa repousar cerca de 30 minutos.

2. Junta a manteiga derretida e envolve novamente.

3. Numa frigideira anti-aderente e sem gordura, deita pequenas conchas de massa. Espalha uniformemente até obteres uma camada fina. Assim que fizer bolhinhas vira o crepe e doura a outra face (sempre em lume médio-alto).

4. Repete o processo até terminar a massa.

 

Dica: depois de cozinhados, os crepes que sobrarem (estarei a ser ingénua?) congelam-se em sacos com fecho zip, devidamente separados entre si com papel vegetal.

Eu acho que

Pub

Videoclipe.pt

Audio

Laura quer que as pessoas entrem no atelier dos artistas "com um clique"

Redes sociais

Mário Tarouca

Sem Facebook, sem Instagram, sem Linkedin. “Adiós! See yaaa! Adeus!”: Mário Tarouca despediu-se dos “amigos” das redes sociais para viver um mês sem a pressão...

A “maior arca fotográfica” quer...

National Geographic // É “a maior arca fotográfica do mundo” e chega pela primeira vez à Europa, mais...