Orienta-te Redes Sociais

Ana Cunha e Ana Terra

Ilovemi

Alimentação

Ilovemi: refeições saudáveis para pessoas sem tempo para cozinhar

É um negócio de confecção e entrega de refeições saudáveis e foi criado por uma futura nutricionista. Porto, Maia, Matosinhos e Gaia são, por enquanto, os concelhos abrangidos por este serviço

Texto de Ana Amélia Fernandes • 12/01/2015 - 20:12

Distribuir

Imprimir

//

A A

Preocupas-te em ter uma alimentação saudável, mas não tens tempo de preparar as refeições? Ana Terra parece ter encontrado a solução. “Ilovemi My Intelligent Food” abriu ao público em Novembro e é um serviço de confecção e entrega de refeições saudáveis à porta dos clientes.

 

Ana é estudante de Ciências da Nutrição, na Universidade do Porto, e pretendia criar algo “para ensinar as pessoas como comer bem e provar que a comida saudável também pode ser saborosa”, conta ao P3. “Decidi criar umas receitas com sabor e experimentar pô-las no mercado e perceber a aceitação. Quando vi que as pessoas gostaram das receitas e da comida, decidi criar então estas refeições funcionais. De facto há aquela preocupação de estarmos no nosso ambiente de trabalho e não haver muitas opções saudáveis de onde ir almoçar e também há muitas pessoas de dieta e que não têm onde almoçar ou não têm tempo para cozinhar e levar para o trabalho”, explica.

 

“É único em Portugal”, garante a jovem de 24 anos, natural de Caminha. Admite, porém, ter-se inspirado em projectos semelhantes que existem, por exemplo, nos EUA, no Dubai ou em Londres: “Inspirei-me lá fora, vi que tinha muita aceitação e comecei a perguntar a conhecidos o que achavam de abrir este serviço. E toda a gente dizia: ‘Sim, sim é mesmo isso que falta’ e arranquei”.

 

E “Ilovemi My Intelligente Food” porquê? “Estive muitos dias à volta do nome e cheguei ao nome assim: “Ilovemi” [da necessidade] de gostarmos de nós próprios, de cuidarmos do nosso corpo e do nosso bem-estar. E “My Intelligente Food” por serem refeições funcionais”, explica.

 

A Ilovemi dispõe de três programas, cada um deles com uma ementa específica: manutenção, emagrecimento e rejuvenescimento. Para este último não há ementa própria, porque, como garante Ana, ainda não houve nenhum pedido. Os clientes escolhem um dos programas e recebem as refeições preparadas no dia. O serviço disponibiliza refeições para almoço e jantar e cada pessoa pode encomendar para um ou mais dias da semana. O cliente pode ainda encomendar o almoço ou o jantar até às 10h00 do próprio dia.

 

As ementas mudam todas as semanas e estão disponíveis na página de Facebook da Ilovemi e na sua aplicação para Android. Cada refeição custa 6,90 euros e inclui o prato e uma infusão de frutas da época ou de ervas. Ao preço acresce a taxa de entrega de 1,5 euros.

 

A elaboração das ementas está a cargo de Ana que conta com a colaboração de João Pires, como ajudante de cozinha. A futura nutricionista esclarece que as receitas já estão criadas, mas que vai adaptando e variando alguns ingredientes, salientando que tenta “ao máximo” usar produtos nacionais. Da equipa da Ilovemi faz também parte Ana Cunha, 23 anos, licenciada em Ciências da Nutrição pela Universidade do Porto.

 

Por enquanto, as entregas são feitas apenas no Porto, na Maia, em Matosinhos e em Vila Nova de Gaia, mas Ana gostava de expandir o negócio para outros pontos do país. “No futuro gostávamos muito de ir para Lisboa, até porque já tivemos alguns pedidos de lá”, refere.

 

O feedback dos clientes tem sido uma fonte de motivação, como refere: “Tenho tido muita adesão. Estamos a ter um crescimento diário até. Dão-me os parabéns pelo projecto e dizem: “Precisava mesmo disto, porque não tenho muitas escolhas”. Para o futuro ideias não faltam e uma delas é, como adianta Ana, criar parcerias com clinicas, onde os clientes possam ter acompanhamento de uma nutricionista.

Eu acho que

Pub

Videoclipe.pt

Investigação

Um estudo desenvolvido com ratos mostrou que há factores externos que influenciam o aparecimento da puberdade. As alterações foram visíveis em ratos de sexo...

A realidade nua e crua de um parto...

Fotografia // "Alerta: um parto é acontecimento bonito, mas é também turbulento e...