Uma cópia de outra cópia: será isto o Instagram?

autoria Miguel Ângelo Afonso

// data 05/02/2018 - 18:27

// 8042 leituras

Alguma vez estiveste no Instagram e pensaste “tenho de tirar uma fotografia neste exacto local”? Pois bem, não és o único. Cada vez mais viajar é sinónimo de dar o update nas redes sociais, geralmente em forma de fotografia. De modo a receber likes ou para mostrar a paisagem magnífica que temos diante dos nossos olhos, qualquer pretexto é bom para uma boa actualização fotográfica no Instagram. Quem o demonstra, desta vez, é Oliver Kmia, um produtor de vídeos premiados em pequenos festivais que, para criar este Instravel, utilizou imagens encontradas a partir de hashtags no Instagram.

 

Em declarações à Fstoppers, Oliver diz que teve a ideia aquando de uma visita a Roma, ao pé da famosa Fonte de Trevi: “[Quando fui] descobri que a praça estava cheia de pessoas e não consegui sequer chegar perto da fonte. Andavam centenas de pessoas por toda a parte, algumas delas a formar uma fila gigante apenas para tirar a fotografia perfeita no tão famoso ponto da cidade. No momento achei a situação deplorável e ridícula”, conta.

 

Diante de toda a situação, lembrou-se de um famoso vídeo do artista francês Hiérophante e rapidamente decidiu focar-se no “lado da viagem” que dali poderia ser retirado. “Não há um ponto ou uma mensagem, apenas quis criar um vídeo pequeno e divertido e explorar técnicas diferentes de edição”, assegura o produtor, que vive em Miami.

 

Apesar disto, admite que a compilação de fotografias reflecte a importância das redes sociais nas nossas vidas. “Durante a minha viagem senti que muitas pessoas não aproveitam e estão sempre agarradas ao smartphone, como se o objectivo principal de viajar fosse colocar tudo online de forma a ter likes e seguidores”, prossegue no portal online. Apesar disto, o fotógrafo e produtor de vídeo reconhece que, por outro lado, esta faceta dos viajantes cria “boas memórias que podem ser partilhadas com os amigos, a família e toda a gente próxima”.

Eu acho que