Orgulho (e fotografias) na Torre dos Clérigos

autoria P3

// data 05/04/2017 - 16:50

// 5191 leituras

Soube-se esta quarta-feira que a reabilitação da Igreja e da Torre dos Clérigos, no Porto, está entre os 29 vencedores da edição de 2017 dos Prémios Europa Nostra, uma iniciativa da União Europeia para estimular a conservação e divulgação do património cultural. Uma distinção que, claro, encheu de orgulho os responsáveis pelo projecto, que transformou a face deste icónico monumento. Depois desta intervenção, o edifício ficou praticamente todo visitável e, acima de tudo, acessível a pessoas com mobilidade reduzida, graças a um esforço de integração de meios mecânicos numa estrutura barroca, que tem a assinatura do italiano Nicolau Nasoni, projectista cuja sepultura foi encontrada, no interior do templo, durante as obras. A reabilitação ajudou a cimentar os Clérigos como um dos monumentos mais visitados do Porto — em 2016, registou-se um aumento de 25% das visitas em relação ao ano anterior, com 625 mil pessoas a ousar escalar os 240 degraus para usufruirem de uma vista da Ribeira até Foz a 75 metros de altura. O que se nota num pequeno passeio pelo Instagram, em que etiquetas como #clerigos ou #torredosclerigos acumulam hoje milhares de fotografias e até desenhos. Em Portugal, os Europa Nostra, que premeiam os vencedores com dez mil euros, distinguiram ainda o Mestrado em Análise Estrutural de Monumentos e Construções Históricas, programa Europeu coordenado pela Universidade do Minho, em Guimarães. Sabe mais aqui.

Eu acho que