O azul dos oceanos como nunca o vimos

autoria P3

// data 27/09/2017 - 11:20

// 22222 leituras

Diz David Attenborough que o oceano é “o maior habitat da Terra”. A voz do britânico é inconfundível, as filmagens da BBC também. O azul enche o ecrã, há mar em todo o lado. Uma tartaruga nada, água acima, com uma delicadeza comovente, a câmara meio submersa, meio à tona — como o próprio animal. Por debaixo das ondas, as imagens repletas de mil e um tons de azul, mostram criaturas em movimento: peixinhos pequenos, peixes maiores, golfinhos, algas, uma baleia azul colossal. É a nova vida da série Blue Planet, 16 anos depois da última produção do género do canal público britânico. Desta vez, à voz de David Attenborough juntam-se os Radiohead e o tema (ocean)Bloom, um original da banda datado de 2011 e agora revisitado pelo compositor Hans Zimmer. Com “ciência nova e tecnologia nova”, a viagem assume outra dimensão, passando por 39 países. Blue Planet II deve chegar aos ecrãs no final do ano. Até lá, temos sempre estes cinco minutos para matar saudades.

Eu acho que