Micro

Queres saber qual a melodia do teu nome?

O algoritmo Claralell, criado por Kai Konishi-Dukes, atribui uma nota a cada letra do alfabeto

Texto de P3 created; ?> •


Há muitas maneiras de compor uma música, mas será possível simplesmente escrever o nosso nome e criar uma melodia? Segundo o projecto Claralell, a resposta é afirmativa. O compositor Kai Konishi-Dukes criou o algoritmo que permite ouvir como soam pequenas palavras numa partitura. A ideia de atribuir letras às notas musicais já não é nova. No entanto, os compositores que tentaram fazer essa correspondência ficaram-se pela letra G. O compositor e estudante na Universidade de Cambridge inovou ao criar um algoritmo que permite que todas as letras tenham uma leitura na pauta, algo já explorado por Robert Schuman numa melodia para a esposa. Agora, não é preciso saber ler uma pauta para criar música. Basta escrever.