Emprego

Abertas candidaturas para estágios e empregos na União Europeia

Estágios arrancam em Fevereiro de 2018 e destinam-se, sobretudo, a candidatos nas áreas do Direito, Ciência Política, Relações Internacionais e Economia. Também há novas ofertas de emprego

Texto de P3 created; ?> •


A União Europeia (UE) voltou a abrir vagas para estágios remunerados em várias das suas instituições e agências, a começarem em Fevereiro do próximo ano.

 

Os candidatos, que têm de ter mais de 18 anos, devem ser cidadãos de um dos estados-membros da UE ou dos países candidatos que beneficiam de uma estratégia de pré-adesão e terem concluído o primeiro ciclo de estudos. A maioria das vagas não exige experiência profissional, mas pede “bons conhecimentos" de pelo menos uma das línguas de trabalho da instituição — francês, inglês ou alemão —, para além das competências específicas para cada função. A maior parte das ofertas destina-se a candidatos nas áreas do Direito, Ciência Política, Relações Internacionais e Economia.

 

Os valores da remuneração são alterados todos os anos, mas, a título de exemplo, em 2016 o montante do subsídio num estágio de formação em tradução era de 307,20 euros por mês. O valor actual para um estágio no Conselho Europeu é de 1159,44 euros por mês, enquanto na Europol é de 782 euros. 

 

Entre as insituições que vão acolher estagiários estão o Conselho da UE, o Parlamento Europeu, a Europol, o Banco Europeu de Investimento e o Instituto Comunitário das Variedades Vegetais. Além das novas vagas apresentadas, há outras oportunidades que ainda estão a receber candidaturas, tanto para estágios não remunerados, como para empregos.

 

O prazo das candidaturas termina a 16 de Outubro para o primeiro período de estágios, que decorre de 1 de Fevereiro a 30 de Junho de 2018. Todos os anos abrem cerca de cem vagas para estágios pagos e 20 para estágios não remunerados em vários organismos da UE. A lista completa pode ser consultada aqui.