Orienta-te Redes Sociais
O mítico Peter Murphy vai actuar no Hard Club, no Porto

O mítico Peter Murphy vai actuar no Hard Club, no Porto Paulo Pimenta/ Arquivo

A digressão dos Mão Morta vai cruzar-se com o Dia Mundial da Música em Lisboa

A digressão dos Mão Morta vai cruzar-se com o Dia Mundial da Música em Lisboa Luís Efigénio/nFactos

Som

Vai uma overdose de música?

O Dia Mundial da Música chega-nos aos ouvidos através de vários concertos espalhados pelo país. O P3 carrega no play

Texto de Daniel Cerejo • 01/10/2011 - 10:05

Distribuir

Imprimir

//

A A

Já cantavam os Xutos & Pontapés que “De Bragança a Lisboa são nove horas de distância”, mas este sábado a música vai viajar de forma mais rápida e não vai chegar apenas àquelas localidades. O Dia Mundial da Música é generoso para os portugueses e disponibiliza concertos para todos os gostos e carteiras.

 

Quem só quiser gastar duas moedas (quem anda cheio de trocos é que vai ter de gastar mais) pode assistir à actuação dos Peixe: Avião, que vão apresentar o álbum mais recente, “Madrugada”, às 21h30, no Teatro Pax-Júlia, em Beja. A entrada custa 3 euros.

 

Depois existem outros que têm a designação de “caro” no nome, mas deixam a decisão do preço das entradas para os espectadores: o espectáculo dos Expensive Soul custa entre 10 e 15 euros. A música do conjunto de Leça da Palmeira começa a ecoar às 21h30 no Teatro Municipal de Faro.

 

No Dia Mundial a digressão dos Mão Morta

Meia-hora depois, em Lisboa, Adolfo Luxúria Canibal dá vida à digressão dos Mão Morta (“Pelux In Motion”), curiosamente no lugar do TMN ao Vivo (Antigo Armazém F). Os bilhetes custam 17 euros ou 15 para quem comprar antecipadamente.

 

Mas se Lisboa tem o privilégio de assistir ao arranque da digressão dos Mão Morta, o Porto não fica atrás da capital e estende a passadeira para Don Carlos. Um dos maiores ícones do "reggae" jamaicano vai actuar com a Dub Vision Band no Teatro Sá da Bandeira, às 23h. O preço das entradas é de 20 euros, em pré-venda 17.

 

Quem também não se importar de pagar 20 euros por um “Festival 5 estrelas” pode passar pela Covilhã (Pavilhão da ANIL) a partir das 21h30 para assistir ao último dia do cartaz, onde os The Gift (00h30) e os Pete Tha Zouk (02h30) são as principais atracções.

 

Uma lenda no Porto

Outro Pete, ou melhor, Peter, também vai ser atracção, mas outra vez para os lados do Porto. No Hard Club, às 21h, o espaço acolhe o mítico Peter Murphy, para quem quiser, por 27 euros, relembrar o rock do britânico, através da apresentação do álbum “Ninth”.

 

O Dia Mundial da Música também promove concertos gratuitos em Portugal. Em Tavira, no Algarve, às 23h, destaque para a actuação do projecto açoriano “O Experimentar na M’Incomoda”. No Porto, a CDGO abre as portas para concertos dos Horselaughter (16h30), Old Jerusalem (17h) e Torto (17h30).

Eu acho que

A gravidez vista por um pai que...

Ilustração // Quando se fala de gravidez, a maior parte dos testemunhos é de mães. "Então e...