O colorido humor negro no dia-a-dia de uma mulher

autoria P3

// data 12/06/2018 - 10:16

// leituras

As cores vivas não disfarçam o humor negro nas ilustrações e gifs de Cécile Dormeau — da mesma forma que as mulheres de formas redondas não escondem os temas afiados. A ilustradora francesa fala de masturbação e de sexo, isolamento (voluntário ou não), procrastinação, assédio sexual, relacionamentos, consultas no ginecologista. Faz mulheres com barriga, cicatrizes, tatuagens, pêlos, magras, gordas, tímidas, extrovertidas. Desenha-as no escritório, a fazerem a depilação, a saírem com as amigas, a receberem propostas indesejadas em viagens de autocarros, a responderem a essas mesmas propostas, na casa de banho. “Eu só quero desenhar mulheres como elas são”, diz, sempre que fala do seu trabalho, que já apareceu em publicações da Google, GQ ou Der Spiegel Wissen. E, em alguns momentos do dia, elas são mesmo como aqui se vê.

Eu acho que