Problemas de primeiro mundo: quem nunca passou por eles?

autoria P3

// data 11/12/2017 - 16:07

// leituras

Diz que as segundas-feiras a odeiam. E não esconde que o ódio é recíproco, o que seria o suficiente para fazer um sem fim de amigos e fãs por aí. Afinal, quem gosta desse dia de regresso às rotinas (mesmo que o fim-de-semana tenha sido passado com o traje oficial de heroína lá de casa: o pijama)? A espanhola Laura Santolaya, nascida em Pamplona, licenciou-se em publicidade e relações públicas e faz vinhetas onde “qualquer semelhança com a coincidência é pura realidade”. Passar pela página do Instagram dela é garantia de umas quantas gargalhadas. Impossível não se identificar com uma ou outra situação: das segundas-feiras ao terrível momento do fim das férias (“Entendo que o amor se acabe, mas que se acabem as férias, não é justo”), passando pela sobrevivência a uma semana de trabalho, a hora de vestir o biquíni do ano passado, o vício das redes sociais (“Façamos um minuto de silêncio: por todas as coisas que deixamos de fazer por estar nas redes sociais"). Problemas de primeiro mundo, é certo, talvez por isso com tanta piada. A espanhola, @p8ladas, tem vários livros publicados e milhares de seguidores e há dias publicou uma vinheta que se tornou popular: como seria se encarássemos todas as notícias como as violações? Vale a pena espreitar o que aconteceria...

Eu acho que