O corpo musical e surpreendente de Surma

autoria CASOTA Collective

// data 30/06/2017 - 09:33

// 2480 leituras

Esta singular galeria que apresenta um videoclipe português por semana, destaque dos vídeos que as pessoas acrescentam na ainda mais singular plataforma VIDEOCLIPE.PT, apresenta um facto curioso: pela quarta semana consecutiva é relativo a uma intérprete feminina. Porém Surma é a banda-de-uma-só-mulher (one-woman band, para estrangeiros), sendo ela a leiriense Débora Umbelino. Usa guitarra e teclas, cruza loops com samples, aos quais lhes junta a sua voz de timbre imberbe e assim tem vindo a desvendar uma pop eletrónica minimal cheia de explorações sónicas ambientais com maleáveis contorções rítmicas e melódicas. Enfim, pode ser um corpo musical ainda estranho para as povoadas urbes pop (ver o anterior “Maasai”), e talvez por isso o videoclipe para este novo “Hemma” (anuncia o álbum para outubro) procure um espaço de maior amplitude para que agora os corpos... perdão, a música visualmente se manifeste. Não sem desafiar a nossa curiosidade e atenção com a maquilhagem e as contorções surpreendentes. Um conceito simples, comparado com aquilo que os seus conterrâneos CASOTA Collective já construíram, mas quem sabe se para isso não terão lido algo que já aqui escrevemos sobre videoclipes coreográficos?

 

Texto escrito segundo o novo Acordo Ortográfico, a pedido do autor.

Eu acho que