Vaarwell e o peluche que saiu à noite

autoria Rui Vieira

// data 24/02/2017 - 16:14

// 2479 leituras

Foi em 2015 que despontou uma prometedora banda nacional com três jovens a conduzir um belo som pop-folk indie guiado por uma doce voz. Estas e outras palavras devem ser revistas aqui, onde destacamos o seu primeiro videoclipe para a pérola do Ep Love and Forgiveness. Da profusão low-cost de imagens e grafismos ficava uma ideia solar, singela, ou talvez virginal, de quem guardava peluches e outros adereços da infância no armário. Ora, recebido em VIDEOCLIPE.PT este novo YOU, que anuncia o álbum Homebound 456 para março, ele apresenta-se noturno, introspetivo, eletrónico, embora com a mesma doçura melancólica da voz. E com a porta aberta, a banda contempla (ou imagina?) talvez a primeira saída noturna de um fofinho ursão de peluche. Ao qual o realizador Rui Vieira lhe adensa mais mistério com uma proposta de surrealismo dark. Algo lynchiano até. Bem, se o nome Vaarwell é uma adaptação de adeus em africanse, nós dizemos é olá a este novo universo da banda, e desejosos ficamos de ver outras aventuras deste ursão melancólico agora libertado. Fiquem atentos, e se o virem a protagonizar outro vídeo, adicionem o link à plataforma vitaminada dos videoclipes nacionais.

 

Texto escrito segundo o novo Acordo Ortográfico, a pedido do autor.

Eu acho que