Orienta-te Redes Sociais

Revista NU

DR

Arquitectura

Revista NU lança livro para assinalar dez anos

Antologia Crítica junta o melhor da última década em 288 páginas. Revista NU continua a ser um espaço de reflexão e debate sobre questões relacionadas com a Arquitectura

Texto de Mariana Correia Pinto • 21/02/2013 - 12:26

Distribuir

Imprimir

//

A A

Passaram dez anos mas a matriz da Revista NU mantém-se: é, essencialmente, “um espaço de reflexão e debate e uma ferramenta de aprendizagem para os estudantes” de Arquitectura. Uma década de trabalho do Núcleo de Estudantes do Departamento de Arquitectura da Universidade de Coimbra (UC) deu agora origem a um livro, uma Antologia Crítica que é lançada esta quinta-feira (21h30) na Culturgest, em Lisboa.

 

O número 40 da Revista NU, em formato livro, junta 24 entrevistas, feitas entre 2002 a 2012, seis ensaios inéditos e cinco grandes temas em 288 páginas. A sessão de lançamento, organizada pela Trienal de Arquitectura de Lisboa, junta Tony Fretton, Álvaro Domingues e Didier Faustino, numa conversa moderada por Diogo Seixas Lopes e Paulo Providência.

 

“No seio da redacção iam surgindo inúmeras discussões sobre a prática e a teoria da arquitectura e essa reflexão é uma das grandes vantagens de fazer parte da revista”, recorda Maria Manuel Barreiros, ex-redactora e agora responsável pela edição do livro, juntamente com Diogo Fonseca Lopes e Inês Morão Dias. 

 

Além dos textos de crítica produzidos pelos estudantes de Arquitectura, nos números da revista lançados desde 2002 houve colaborações de nomes nacionais e internacionais — como, por exemplo, Álvaro Siza, Eduardo Souto de Moura, Dominique Perrault, MVRDV, Josep Maria Montaner, Beatriz Colomina, Toyo Ito, Paulo Mendes da Rocha, Saskia Sassen, Hans Ibelings, Mansilla e Tuñon, Alberto Campo Baeza, Bjarke Ingels, FOA (Foreign Office Architects), Gonçalo Byrne e Kurt Forster.

 

No debate desta quinta-feira à noite, a Antologia Crítica da Revista NU estará à venda por 15 euros.

Eu acho que

Pub

Videoclipe.pt

Audio

Laura quer que as pessoas entrem no atelier dos artistas "com um clique"

Fotografia

A “Branca de Neve” siberiana tem apenas oito anos e hoje são muitas as agências de modelos e de publicidade que a requisitam. A mãe diz que será ela a decidir...

52 plantas e uma vida mais calma

Instagram // Em dois anos, coleccionou 52 plantas. Fora as que ofereceu, fora as que...