Orienta-te Redes Sociais

Elisabete Morais

A data

30
de Setembro é a data de fecho da exposição, em Castelo de Paiva

Elisabete Morais

Exposição

Entre-os-Rios: retrato dos "Trinta e Seis" corpos desaparecidos

O projecto, iniciado há cerca de um ano, teve como ponto de partida um contacto mais directo com as famílias das vítimas

Texto de Catarina Martins • 19/07/2012 - 13:29

Distribuir

Imprimir

//

A A

Elisabete Morais fotografa o vazio da ausência física dos corpos das vítimas da tragédia de Entre-os-Rios. Trinta e seis continuam desaparecidos e o luto mantém-se. No âmbito da paisagem simbólica, a autora local finaliza o Mestrado em Comunicação Audiovisual, da Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo (ESMAE), do Porto.  

 

E é esse trabalho que pode ser visto, a partir das 20h00 desta quinta-feira, dia 20, numa exposição no Eurostars Rio Douro Hotel, em Raiva, Castelo de Paiva. 

 

A queda da ponte em 2001, que abalou o país, levou a uma exploração sensacionalista de Castelo de Paiva. O projecto, iniciado há cerca de um ano, teve como ponto de partida um contacto mais directo com as famílias das vítimas.

 

A fotógrafa optou por abordar o tema de uma forma mais pessoal e metafórica. Importa a preservação da memória através do retrato dos espaços da série "Trinta e Seis". 

 

A exposição termina a 30 de Setembro. A autora inaugura a mesma série  "Trinta e Seis" no Porto, na Galeria Geraldes da Silva, inserida numa Mostra de Fotografia Documental."

 

Eu acho que

Pub

Videoclipe.pt

Audio

Laura quer que as pessoas entrem no atelier dos artistas "com um clique"

Vídeo

Desde 2000, estima-se que dez mil crianças palestinianas tenham sido detidas pelo exército israelita. A cada 12 horas, uma será detida, interrogada, processada...

Bernardo disfarçou-se de turista e...

Livro // Quis olhar para o sector do turismo em Portugal como estrangeiro e, para isso,...