As aguarelas de uma skater que pinta arte urbana

autoria Renata Monteiro

// data 27/11/2017 - 10:27

// 6071 leituras

Na baixa de Detroit, nos Estados Unidos, artistas urbanos de renome internacional foram convidados a pintar paredes de um parque de estacionamento. Ao mesmo tempo que estes pintavam, "graffiters eram presos e vigiados ao abrigo das novas leis da cidade”, conta ao P3 Lorna Brown, a autora das ilustrações em aguarela apresentadas nesta fotogaleria. A cena repetia-se: à medida que os centros da cidade eram renovados, a vigilância na área aumentava e as tags eram pintadas por cima, de branco. Lorna, 36 anos, pegou no skate e no estojo de pintura e navegou pelos becos de onze cidades para descobrir verdadeiras galerias de arte a céu aberto — onde a única curadoria possível passava por “conseguir ou não saltar as grades e escapar-se pelo buraco da vedação”. Queria perceber “como a arte urbana reflectia algo da sociedade em cada cidade” por que passou — e foram muitas, em quase todos os continentes. O livro, com as descobertas ilustradas, é lançado em Maio de 2018. Até lá, podes ler mais sobre a história aqui e segui-la em @lornastration

Eu acho que