Orienta-te Redes Sociais

DR

Ideia

Nike comprou ”atacadores” a designer português

O projecto "Nike laces" começou quando Hugo Silva, 27 anos, estava sentado no aeroporto à espera do avião

Texto de Luís Octávio Costa • 13/01/2013 - 11:46

Distribuir

Imprimir

//

A A

Porque não construir o logotipo da Nike através de atacadores? Hugo Silva lembrou-se disso mesmo sentado no aeroporto enquanto esperava pelo avião. "Foi por acaso. Estava a olhar para os ténis...", referiu ao P3 o designer de 27 anos que vai assinar duas t-shirts da multinacional.

 

Numa altura em que a emigração é uma palavra de ordem, Hugo Silva prova que "é possível trabalhar para fora sem sairmos do país" — o facto de a inspiração ter surgido num aeroporto não conta. "O segredo é fazermos aquilo que gostamos e tentarmos criar algo único e diferente. Nem sempre é possível mas quando conseguimos a magia acontece".

 

A magia aconteceu depois de Hugo Silva ter colocado no seu perfil Behance ("uma montra brutal") a série "Nike Laces" (com a etiqueta "Nike"), onde o próprio se propunha recriar o logotipo da Nike como se estivesse a apertar os atacadores.

 

Porque não construir o logotipo da Nike através de atacadores? "Se calhar alguém já se lembrou disto...", questionou Hugo Silva, que, depois de uma investigação na Internet, percebeu que a ideia era mesmo original. "A verdade é que nunca ninguém tinha feito esta pergunta". A verdade é que a ideia "chamou a atenção da própria Nike".

 

Próxima etapa: "swoosh"

"Este projecto permitiu-me cumprir o sonho de muitos designers, trabalhar para uma das marcas de dimensão global", comentou Hugo, com cerca de cinco anos de experiência (é licenciado em Design Gráfico no IADE e mestre em Teoria da Cultura Visual), director criativo da agência Blueline.

 

"Fiz para me divertir. Foi um novo desafio sem pretensões. No dia-a-dia trabalhamos para clientes com um "briefing" rígido que nos limita a criatividade. Gosto de pegar numa página em branco e de fazer algo completamente diferente", sublinha o designer que, juntamente com Catarina Antunes, já representou Portugal no Cannes Lions - Festival Internacional de Criatividade na categoria de Design (a dupla apresentou o projecto 2D Port Wine Cocktails e ficou na quinta posição num total de 13 duplas de todo o mundo).

 

As duas t-shirts vão ser lançadas durante este ano. Mas Hugo Silva já inventou um novo conceito, aproveitando a porta que se abriu. O designer pegou em diversos recintos desportivos, moldando a sua forma ao "swoosh" da Nike.

Eu acho que

Pub

Videoclipe.pt
Videoclipe.pt

Audio

Laura quer que as pessoas entrem no atelier dos artistas "com um clique"

Arquitectura

Fica na Avenida Camilo, no Porto, e ocupa uma área total de fazer inveja: 5800 metros quadrados. Bem-vindos à BLIP, empresa tecnológica portuguesa, detida por...

A “maior arca fotográfica” quer...

National Geographic // É “a maior arca fotográfica do mundo” e chega pela primeira vez à Europa, mais...