Kilo Design

Saúde

Uma máscara anti-poluição de brincar, mas a sério

Um colectivo dinamarquês criou a Woobi: uma máscara para proteger os mais pequenos nos ambientes poluídos. Parece de brincar, mas é a sério

Texto de Diana Barros • 13/03/2017 - 08:51

Distribuir

Imprimir

//

A A

Um estúdio dinamarquês de design criou uma máscara para crianças, que filtra o ar poluído. É a Woobi: parece um brinquedo mas resolve um problema sério. “O nosso planeta está a enfrentar desafios muito sérios”, escreve o fundador, Lars Larsen, no site da Woobi. “Um relatório da UNICEF, de 2016, diz que 300 milhões de crianças vivem em áreas com altos níveis de toxicidade na poluição do ar”, acrescenta.

 

Adaptável, com cores vivas e facilmente montável é assim a Woobi, uma criação que promete dar às crianças, que vivem em países poluídos, oportunidade de brincarem na rua ou simplesmente irem à escola, sem prejudicarem a sua saúde.

 

A simplicidade é um dos objectivos da máscara, pois caso fosse complicada as crianças não iriam estar à vontade com a sua utilização. Ao contrário do que acontece com outras máscaras que estão disponíveis no mercado, tem uma base de silicone transparente e estrutura assimétrica para não tapar a cara, tornando-se menos incómoda.

 

Além disto, a Woobi, criação do estúdio Kilo, é acompanhada por um manual de instruções didáctico que em conjunto com a montagem de todas as peças promove o diálogo sobre a poluição e a consciencialização dos mais novos. A máscara é personalizável para que as crianças se sintam mais próximas do objecto e o queiram utilizar.

 

Com um design atractivo para as crianças, a Woobi pode ser uma solução para todas as que vivem em países com níveis de poluição do ar extremamente elevados. Não é por acaso que a China – o país mais poluído do mundo – vai ser o ponto de partida da Woobi. Lá, a poluição aumenta de dia para dia e continua a ser uma dos mais graves problemas de saúde pública.

Voltar ao topo

|

Corrige
Eu acho que