GRAU.ZERO Arquitectura

Casas XS

A qualidade da arquitectura não se mede pela dimensão do espaço

Publicamos, quinzenalmente, às sextas, um projecto de arquitectura e de decoração de interiores com exemplos de como aproveitar da melhor forma o pouco espaço disponível numa habitação. Bem-vindos às Casas XS. Uma curadoria do blogue Alexandra Matos Design

Texto de Alexandra Matos • 21/09/2017 - 10:38

Distribuir

Imprimir

//

A A

O atelier GRAU.ZERO recebeu um pedido aparentemente simples: criar um espaço com muita luz. Contudo, não foi tarefa fácil, já que o espaço existente era exíguo, compartimentado e sombrio.

 

O arquitecto Sérgio Manuel Nobre quis criar um espaço diferenciador, com muita luz natural, sem que isso alterasse o valor de investimento que o cliente tinha para o imóvel. “Decidimos que todos os compartimentos deveriam ter iluminação natural. Para tal, optámos por utilizar painéis translúcidos, que permitem a entrada de luz na quase totalidade dos compartimentos (exceptuando o quarto de dormir) e utilizar onde necessário um 'tecto em vidro', nomeadamente na instalação sanitária”, revelou o arquitecto, fundador do atelier GRAU.ZERO.

 

Para concretizar o projecto, houve o cuidado de “rever e adequar as estruturas de cobertura e restantes infra-estruturas", explica Sérgio Manuel Nobre: "Respeitando as pré-existências, fizemos um ajuste do layout ao que o cliente pretendia e definimos uma nova política de materiais e acabamentos, coordenada entre si, que permitiu criar uma imagem contemporânea”.

 

Actualmente, a habitação serve de alojamento local e é de utilização muito simples, como descreve o arquitecto: “Junto à entrada, o quarto de dormir e a instalação sanitária fazem parte de um pequeno poliedro azul onde agregamos as zonas privativas da casa. Nas costas deste e de frente para as áreas sociais fica a cozinha. No final da casa, criámos um pequeno pátio que permite a ventilação controlada e proporciona a entrada de luz natural de sul para o interior da casa. Com a implementação deste poliedro azul conseguimos também diminuir as áreas mortas”.

 

Uma vez que a luz foi o foco principal desta obra de remodelação, Sérgio Manuel Nobre afirma que  o resultado final foi de “satisfação total” para o cliente.

 

Dicas para espaços pequenos

Segundo Sérgio Manuel Nobre, devemos “acreditar sempre que a qualidade da arquitectura não se mede pela dimensão do espaço". "Não é necessário muita área, mas sim área qualificada. As pequenas soluções devem ser pensadas como um todo. E esse todo corresponde ao projecto de arquitectura, que com uma boa articulação com os restantes projectos de especialidades é uma mais-valia para quem quer ter espaços de qualidade. A habitação é um repositório de memórias de uma vida cheia e preenchida e como tal não a podemos descurar. A aposta num arquitecto deve ser encarada como um investimento.”

 

Soluções low cost

Sérgio Manuel Nobre acredita que “é possível, com alguma imaginação e eventualmente sem grandes custos, transformar algo sem utilização num objecto esteticamente agradável, com uma função para o espaço pretendido ou para a decoração”.

Voltar ao topo

|

Corrige
Eu acho que