A reabilitação de Lubango tem dedo português

autoria P3

// data 07/11/2017 - 12:02

// 5834 leituras

Entre campos pelados de futebol, estradas movimentadas e outras casas, há um edifício que se destaca na cidade angolana de Lubango, com habitações, lojas e escritórios. O Lubango Centre, idealizado pelo atelier de arquitectura Promontorio, não deixou indiferente os jurados dos German Design Awards 2018, que lhe atribuíram o prémio de Excelência em Design de Comunicação. A abordagem contemporânea numa construção no centro da cidade angolana é um dos aspectos que reforçam o Lubango Centre, segundo Pedro Appleton, envolvido no projecto. “É o primeiro edifício numa campanha de reabilitação da cidade e que continua a construção da cidade moderna que tinha ficado suspensa”, explica o arquitecto, também sócio do atelier. Apesar da altura, o exterior não destoa do resto da paisagem, procurando não se tornar “muito expectante”, ou seja, a construção vai acompanhar o desenvolvimento de Lubango. “O facto de o edifício ter sido construído em Lubango amplifica este prémio”, garante Appleton. O projecto do Promontorio é mais um prémio para o grupo lisboeta — que venceu três categorias no American Architecture Prize 2017 — e mais um German Design Award 2018 para Portugal, depois do estúdio AMATAM ter sido nomeado pelo Conselho Alemão de Design com o trabalho no ginásio Krush-it.

Eu acho que