Fotografias para ajudar pessoas a quem o fogo roubou tudo

autoria Mariana Correia Pinto

// data 10/01/2017 - 12:48

// 4979 leituras

O chefe dos bombeiros da cidade de Gatlinburg, no estado do Tennessee, percebeu a dimensão da tragédia rapidamente. No rescaldo do incidente, falava de "um incêndio para os livros de história” — e tinha razão. Era 23 de Novembro de 2016. Mais de metade da cidade ficou destruída. Morreram 14 pessoas, duas mil casas e estabelecimentos ficaram reduzidas a cinzas. Jeremy Cowart — nomeado pelo Huffington Post, Forbes e Yahoo como "o mais influente fotógrafo da Internet" —, juntou um grupo de amigos voluntários e viajou de Nashville, onde vive, até Gatlinburg para fazer uma série de imagens que mostrassem a devastação provocada pelo incêndio e pudessem ser uma ajuda para as pessoas desalojadas. Com o apoio do mayor Mike Werner, o fotógrafo localizou famílias e locais onde moravam. Pegou num colchão branco, equipamento de iluminação e um drone — e fotografou as pessoas no meio dos escombros escuros. No site Voices of Gatlinburg contam-se as histórias, em relatos na primeira pessoa, e faz-se a ligação para uma campanha de financiamento no GoFundMe. Pode apoiar-se individualmente cada uma delas. Em Janeiro de 2010, Jeremy Cowart tinha feito um ensaio semelhante, em Voices of Haiti, mostrando a vida depois do terramoto. Em Agosto de 2011, viajou para o Ruanda para documentar, em Voices of Reconciliation, os sobreviventes e os autores de genocídio que se reconciliaram e passaram a viver em paz na mesma comunidade.

Eu acho que