Orienta-te Redes Sociais

Ninguém deve ser julgado pela cor da sua pele

autoria Havas Worldwide Portugal

// data 27/04/2015 - 09:35

// 5015 leituras

"No mundo, todos os dias um negro é morto pela polícia ou forças de segurança. Ninguém deve ser julgado pela cor da sua pele". Este é o mote da campanha "STOP" lançada pela organização SOS Racismo, que assim pretende denunciar os abusos da força policial que os cidadãos negros são vitimas diariamente em todo o mundo. O anúncio (com assinatura da agência de publicidade Havas Worldwide Portugal, direcção criativa de Paulo Pinto e José Vieira, produção da Garage Films e realização de Rogério Serrasqueiro) foi filmado em Portugal no passado mês de Março e foi divulgado no dia 10 de Abril, na semana em que um polícia norte-americano branco foi detido e acusado de homicídio por ter disparado oito tiros pelas costas de um cidadão negro que estava desarmado e em fuga. Para a produção do filme "STOP" foi usado um carro de polícia e uma farda fictícia para que este anúncio fosse universal e não apenas focado num único país. O anúncio foi já considerado Ad of the Day no prestigiado site norte americano ADForum e divulgado em sites como o Ads of the World e Best Ads on TV.

Eu acho que