Orienta-te Redes Sociais

"(In)feliz coincidência?"

"(In)feliz coincidência?"

"Será que esta gente é fã de panque-roque? Ou tem apenas uma grande panque? Men

"Será que esta gente é fã de panque-roque? Ou tem apenas uma grande panque? Men In Black, a dar as mãos por Barcelos!"


Internet

Tesourinhos das Autárquicas: do Chicharro a Cabeçudo

O outro lado das eleições está em Tesourinhos das Autárquicas, uma página do Facebook criada por dois jovens, cujo coração bate mais forte de quatro em quatro anos

Texto de Amanda Ribeiro • 05/09/2013 - 18:19

Distribuir

Imprimir

//

A A

Dizem que "as Autárquicas são melhores do que o Natal". Que "o coração bate mais forte" este ano. Por isso, e porque na verdade têm "muito tempo livre", dois jovens na casa dos 20 anos criaram há poucas semanas no Facebook a página Tesourinhos das Autárquicas 2013 — foi a partir daqui que muitos ficaram a conhecer o célebre candidato do PTP à Câmara de Gaia, Manuel Almeida. Neste palco, quem ganha as "Autárticas" são bigodes renascentistas, cartazes anti-crise, mestres de Photoshop(in)felizes coincidências, apelidos como Tasca e Chicharro e freguesias como Gostei e Cabeçudo.

 

Uma página dedicada aos "tesourinhos"... Era tudo saudades das Autárquicas? 

Não são só saudades, porque a campanha eleitoral já invadiu as ruas e as “timelines” do Facebook há algum tempo. Nós decidimos começar isto porque achámos imensa piada a alguma da propaganda que os candidatos escolhiam. Depois encontrámos o Paulo Cafôfo, que tem o melhor nome de sempre. E ouvimos o hino do Manuel Baptista. Decidimos começar a recolher o que encontrássemos. E a oferta é grande. Inicialmente o objectivo era chegar no máximo aos amigos dos nossos amigos, mas foi crescendo e neste momento já temos perto de 65 mil "likes".

 

Sei que preferem manter o anonimato. O que é que me podem contar sobre vocês?

Não temos receio de represálias, mas não queremos que os nossos nomes surjam associados à página. Por questões profissionais, principalmente. Mas podemos dizer-te que somos dois jovens na casa dos 20 anos, licenciados na área da comunicação que vivem e trabalham em Lisboa.

 

Vão votar no dia 29 de Setembro?

Claro, não vamos faltar. Se fôssemos de Gaia votávamos no Manuel Almeida, porque ele não especula com medos malignos. Mas infelizmente essa não é a nossa terra natal.

 

Onde é que vão buscar estes "tesourinhos"? 

Tudo o que está na página existe e é desta campanha autárquica. Alguns tesourinhos pesquisamos nós, outros são os nossos fãs que nos enviam.

 

É impressão nossa ou estas são as Autárquicas mais musicais de sempre?

Não conseguimos encontrar nenhuma justificação para isso, mas provavelmente é por causa das redes sociais. Em campanhas anteriores até havia músicas, mas um habitante de Faro nunca iria ouvir o hino do Manuel Baptista, ou do Lino Tavares Dias (a não ser que se deslocasse a estas terras). O Facebook ajudou a massificar estes hinos. E os candidatos também, porque os colocaram na rede. Depois, eles quase que ganham vida própria.

 

Qual é a característica que mais valorizam num candidato para os Tesourinhos das Autárquicas? E num cartaz?

É difícil responder a essa pergunta. Por vezes, um cartaz ou imagem no qual não vemos grande potencial transforma-se num sucesso, torna-se viral. Outros, que achámos hilariantes, não se tornam populares. Ainda assim, uma característica que é sempre apreciada é o amadorismo, seja do design, seja das fotos. Erros ortográficos (como Autárticas), nomes engraçados (como Arnaldo Tasca) ou freguesias "estranhas" (como Gostei ou Cabeçudo) também ajudam.

 

Qual vai ser a maior surpresa destas Autárquicas?

O Manuel Almeida ser eleito vereador e o Paulo Cafôfo ganhar a câmara do Funchal. O Walter Chicharro também merece ser feliz na Nazaré.

 

Já têm favoritos?

Além dos já mencionados, esperamos que o Arnaldo Tasca tenha uma vitória retumbante nas freguesias de Matosinhos, lado a lado com o Pedro da Vinha Costa.

 

Manuel Almeida tornou-se nos últimos dias no grande embaixador da vossa página. Apoiam esta candidatura?

Claro que sim. Uma pessoa que é a voz dos maus tratos e canta Modern Talking nos tempos livres tem os ingredientes essenciais para ser um bom autarca. Também há um membro de uma lista de Paços de Ferreira que nos agrada bastante, porque é o campeão regional do Norte do jogo da malha.

 

Qual tem sido a reacção dos partidos? E dos próprios candidatos?

Há quem leve a bem e quem leve a mal. Nós apenas amplificamos o que existe na realidade, não fazemos edição de imagens. O que está aqui é o que existe nas ruas (e por vezes só no Facebook, por falta de recursos). Se os candidatos ficam chateados é porque, provavelmente, não foram felizes na propaganda que produziram. Esta página democratiza o acesso a todas as campanhas, por todo o país. É algo que, modéstia à parte, provavelmente nunca existiu até agora. Os partidos ainda não nos disseram nada, mas estas coisas são tratadas a um nível muito micro, que os partidos não controlam.

 

Dizem que "as Autárquicas são melhores que o Natal". Num mundo perfeito, as Autárquicas seriam no Natal?

Sabes, as autárquicas já se realizaram muito perto do Natal. Até 2001, as autárquicas eram sempre em Dezembro (em 2001 foram a 16 de Dezembro). Infelizmente alguém se lembrou de mudar isso. Infelizmente, nessa altura ainda éramos muito novinhos para votar. Mas quem sabe, pode ser que o P3 ajude a fazer algum "lobby" para colocar as autárquicas outra vez em Dezembro.

Eu acho que

Pub

Videoclipe.pt

Fotografia

Antropólogo apaixonado por fotografia tem milhares de imagens de lugares abandonados, entre Portugal e outros países. Agora, o seu "Proj3ct Urbex" está num...

A “maior arca fotográfica” quer...

National Geographic // É “a maior arca fotográfica do mundo” e chega pela primeira vez à Europa, mais...