Nova Zelândia, o país que não cabe em todos os mapas

autoria Mariana Durães

// data 07/05/2018 - 15:02

// 7052 leituras

Sabes localizar a Nova Zelândia no mapa? Deveria estar mesmo ali, junto à Austrália — mas nem sempre está. O país é constantemente esquecido no mapa-mundo e, numa tentativa de inverter a situação, foi criada uma campanha publicitária protagonizada pelo comediante Rhys Darby e pela primeira-ministra neozelandesa, Jacinda Ardern. Conspiração ou distracção? O vídeo questiona, sob a forma de comédia, os motivos para a Nova Zelândia ser repetidamente deixada de fora em mapas, incluindo os do IKEA, da Starbucks e até do Museu Nacional de História Natural de Londres.

 

#getNZonthemap é a hashtag utilizada para sensibilizar o (resto do) mundo para esta questão e Jacinda Ardern também usou a sua página de Facebook para lançar um alerta contra o "desaparecimento" do país. "Admitam. Já notaram a ausência da Nova Zelândia nos mapas", escreveu.

 

E não é só o Governo neozelandês que está preocupado. Foi criada uma página no Reddit dedicada a este tema, que já conta com 30 mil subscritores, e um site chamado World Maps Without New Zealand, onde são reunidas várias imagens de mapas que esquecem a Nova Zelândia.

 

Mas, afinal, é assim tão fácil notar a ausência do país? Em 2017, a BBC pediu a cidadãos londrinos para identificar o país que faltava no mapa e poucos foram capazes de perceber que era a Nova Zelândia. "Roubar" turistas para a Austrália, o mercado do vinho, acabar com a equipa de rugby ou, simplesmente, por causa da configuração de "costeleta de borrego": estes são alguns motivos apontados por Rhys Darby para explicar a ausência da Nova Zelândia. A verdade é que o país tem cerca de 250 mil quilómetros quadrados — mas não cabe em todos os mapas. 

Eu acho que