Orienta-te Redes Sociais
Tim Cook partilhou o palco com outros executivos

Tim Cook partilhou o palco com outros executivos e optou por não apresentar o novo iPhone Jo Yong-Hak/Reuters

Tecnologia

Novo iPhone quer ser um assistente pessoal e não rompe com o modelo anterior

Novidade da Apple conta com novo "software" de inteligência artificial - mas ainda não tem data definida para chegar a Portugal

Texto de João Pedro Pereira • 04/10/2011 - 18:43

Distribuir

Imprimir

//

A A

A Apple mostrou esta terça-feira o quinto modelo de iPhone, chamado iPhone 4S. Após meses de especulações sobre as características técnicas do aparelho, a grande novidade acabou por ser um novo "software" de inteligência artificial, que funciona como um assistente pessoal do utilizador.

 

A nova aplicação, chamada Siri, permitirá aos utilizadores realizar uma série de tarefas com comandos de voz – por exemplo, fazer uma pesquisa na Internet (algo que os concorrentes Android permitem há muito), acertar despertadores, pedir informações sobre o tempo ou direcções num mapa.

 

O "software" também dá sugestões ( “Preciso de um casaco para a chuva?”, perguntou um executivo da Apple, durante uma demonstração da tecnologia) e vai-se adaptando às preferências do utilizador à medida que este interage com a máquina.

 

Siri não é poliglota (ainda)

 Por agora, Siri reconhece apenas instruções em inglês, francês e alemão, embora a Apple tenha dito que pretende integrar outras línguas.

 

O iPhone 4S surge em vários modelos, com capacidades de armazenamento entre os 16GB e os 64GB. O aparelho tem um novo processador, igual ao que equipa o iPad 2 e que a Apple diz ser duas vezes mais rápido do que o antecessor. A câmara passa a ter oito megapixels. O aspecto do aparelho mantém-se inalterado.

 

Como o nome indica, a Apple repetiu o que fez em 2010, lançando uma melhoria do modelo anterior (o iPhone 4) e não um aparelho completamente redesenhado. Será posto à venda primeiro em sete mercados estratégicos e estará disponível a partir de dia 28 deste mês num total de 29 países, entre os quais não está Portugal, onde deverá chegar até ao final do ano.

 

Lê o artigo completo no PÚBLICO

Eu acho que

Pub

Videoclipe.pt

Fotografia

A “Branca de Neve” siberiana tem apenas oito anos e hoje são muitas as agências de modelos e de publicidade que a requisitam. A mãe diz que será ela a decidir...

Olhar para o espelho e aceitar a...

Fotografia // A meio das escadas, Julieta observa as suas próteses. Uma doença rara chamada “...