Orienta-te Redes Sociais

Manda-te.com

Robert Galbraith/Reuters

Desemprego

Manda-te.com promete ajudar quem está sem emprego

Filipe Amorim deu vida ao Manda-te.com, site que está esta quinta-feira online pela primeira vez

Texto de Balolas Carvalho • 04/04/2013 - 12:18

Distribuir

Imprimir

//

A A

Filipe Amorim tem 32 anos e é licenciado em Recursos Humanos. Dez anos depois de conseguir trabalhar na sua área de estudos, o jovem de Espinho viu a sua vida mudar quando, no ano passado, a empresa em que trabalhava entrou em processo de insolvência. Costuma-se dizer “ano novo vida nova”. E Filipe pôs o ditado à prova.

 

Impulsionado pelo facto de estar desempregado e tendo em conta o panorama nacional, Filipe criou a 16 de Janeiro deste ano uma página no Facebook Manda-te, Emprego no Estrangeiro. Começou por divulgar ofertas de emprego no estrangeiro e algumas a nível nacional. Em menos de três meses a página conseguiu mais de 20.000 gostos e a caixa de correio é constantemente invadida por currículos.

 

O site Manda-te.com é uma plataforma com uma maior diversidade de conteúdos em relação à anterior e conta com secções como: Emprego, Empreendedorismo, Notícias, Formação e Artigos. É uma forma de ajudar as pessoas a “arriscarem” não necessariamente lá fora, mas principalmente uma forma de alimentar o espírito de iniciativa “criando um maior focus no interior de cada pessoa”, explica Filipe.

 

O objectivo do projecto Manda-te.com é “semear a iniciativa e o empreendedorismo ” ao compilar “as melhores oportunidades de trabalho para portugueses em países estrangeiros”. Ao mesmo tempo tem em atenção a valorização pessoal contando assim com “as melhores ofertas de formação na área do desenvolvimento pessoal e profissional”.

 

Selecção e trabalho diário

Filipe está sozinho neste projecto e é através de “uma pesquisa diária “ que encontra aquelas que considera serem as melhores ofertas. Partilha em primeiro lugar “ empregos que procurem especificamente portugueses” depois, eventualmente, partilha outras ofertas. Tenta escolher sempre as fontes que considera mais fidedignas, mas “já aconteceu ter dúvidas” e enviar através de e-mail um pedido de esclarecimento.

 

Em relação às áreas com maior oferta de emprego, a resposta "é fácil". São as engenharias (Informática, Civil e Mecânica).

 

Ao conjugar o factor proximidade e oferta constata pela sua experiência que o Reino Unido tem sido o país mais generoso, no entanto, mais distantes Angola, Brasil e Austrália são países com uma oferta de emprego crescente.

Eu acho que
Videoclipe.pt

Audio

Laura quer que as pessoas entrem no atelier dos artistas "com um clique"

Fotografia

A Lilly foi a primeira companhia e “o primeiro amor” de quatro patas de Jasmina Lozar. “Quando a adoptei tinha agressivos ataques de asma e ela levava-me em...

Salvador, o vencedor do Festival da...

Ilustração // A euforia começou por ser portuguesa: Salvador Sobral interpretou a canção que...