Concurso

Há 124 vagas para trabalhar na União Europeia

São 124 as vagas e 4489,61 euros a remuneração mensal. O concurso, do Serviço Europeu de Selecção do Pessoal, na área da administração, decorre até ao dia 3 de Maio

Texto de Ana Rita Carvalho • 21/04/2017 - 18:04

Distribuir

Imprimir

//

A A

Estão abertas as candidaturas para um concurso geral de recrutamento de 124 novos “administradores” (grupos de funções AD) das Instituições da União Europeia, promovido pelo Serviço Europeu de Selecção do Pessoal (EPSO). O rendimento médio mensal é de 4489,61 euros.

 

As condições de candidatura são simples: os candidatos devem ter nacionalidade de um Estado-membro da União Europeia (UE), oferecer garantias de credibilidade moral, estar em situação regular em relação às leis nacionais de serviço militar, ter ou estar a terminar uma licenciatura e dominar, pelo menos, duas línguas oficiais da UE (uma no nível C1 e outra, no mínimo, no nível B2). É ainda necessária uma prestação de provas por parte de todos os candidatos, para a criação de um grupo de reserva de administradores AD5 (a inclusão nesta lista não garante, no entanto, o direito ou garantia de recrutamento), grau de início de carreira para os licenciados sem qualquer experiência profissional.

 

O formulário de candidatura divide-se em duas partes. Primeiro, deve indicar o nível de conhecimento das línguas oficiais que domina no nível B2 ou superior. Depois, se reunir todos os requisitos necessários na primeira parte e se, pelo menos, uma das línguas de nível B2 ou superior figurar entre as cinco oferecidas como segunda língua, será convidado a preencher a candidatura nessa mesma língua.

 

As candidaturas devem ser efectuadas via electrónica no site do EPSO (aqui) e a primeira fase termina dia 3 de Maio, às 12h00 da Europa Central.

Voltar ao topo

|

Corrige
Eu acho que